Nextel abre seleção para Jovem Aprendiz

O programa jovem aprendiz Nextel aparece para muitas pessoas, principalmente, de famílias de baixa renda como uma solução para enfrentar o desemprego entre a população jovem. Ele une três esferas importantes para o crescimento do país: escolarização, geração de trabalho e aumento da renda familiar, principalmente, entre a população de baixa renda.

Dessa forma, os jovens aprendizes aprendem uma profissão na Nextel, trabalham na empresa e recebem o tão sonhado salário para ajudar em casa e comprar coisas pessoais. Agora eu lhe pergunto: é isto que você está procurando para a sua vida? Então, leia esta matéria até o fim.

Programa Jovem Aprendiz Nextel

A Nextel é considerada uma das maiores empresas na área de comunicação móvel da América Latina. Por isso, um excelente local para se iniciar a carreira. O melhor de tudo que a empresa busca sempre estudantes dispostos a crescerem junto com a marca.

O Programa Jovem Aprendiz Nextel tem objetivo de contribuir de fato para a inserção de adolescentes e jovens no mercado de trabalho, melhorando a qualidade da escolarização e possibilitando, ao mesmo tempo, a geração de renda.

Além disso, o Programa da Nextel é considerado um dos melhores aplicado para iniciar a carreira. A própria empresa foi eleita, pela revista Exame, sendo uma das 150 melhores empresas para se trabalhar no país, com melhor gestão de pessoas e também para começar a carreira. Ou seja, uma boa chance para você que quer mudar de vida agora em 2016.

Como se inscrever

Para você que deseja participar deste programa pode se inscrever pelo site oficial ou realizar o cadastro no site do Espro. O candidato deve ter idade entre 16 e 24 anos e estar cursando o Ensino Médio ou já concluído.

Ao ser contrato pela empresa o jovem aprendiz assinará um contrato de trabalho especial, de no máximo, dois anos. Automaticamente, os jovens são matriculados em um curso de aprendizagem de assistente administrativo oferecido e ministrado pela Espro (Ensino Social Profissionalizante).

De acordo com a Lei, a jornada de trabalho será de seis a oito horas diárias. Sendo esta última permitida apenas para os jovens aprendizes que já tenham o ensino fundamental completo e às duas horas remanescentes às seis horas, sejam destinadas à aprendizagem teórica.

Os jovens contratos terão como benefícios a salário mínimo, exceto quanto à existência de um piso estadual para a categoria e todas as garantias trabalhistas, como 13o salário, férias entre outras.

Para conhecer mais sobre a Nextel, assim como outros projetos oferecidos pela empresa acesse institutonextel.org.br. Você ficará surpreso como a empresa apoia os jovens em início de carreira.

Faça sua pergunta?